Ciências Contábeis: seja um Controller

controller é o executivo titular da controladoria, responsável por verificar as contas da empresa, planejar, executar e controlar todos os gestores.

Todos os setores da empresa – hierarquicamente – são de responsabilidade do controller, tornando-o o principal responsável, abaixo somente do proprietário ou presidente, o que é bastante vantajoso no aspecto financeiro: especialistas apontam que, no Brasil, o salário médio deste profissional é de R$ 9 mil.

Cabe a este profissional elaborar relatórios gerenciais mensais, demonstrando a realidade da gestão, orientando e recomendando procedimentos a serem adotados com a finalidade de atingir os objetivos propostos para a empresa.

Os relatórios elaborados pelo controller devem ter controles confiáveis e constantes, propiciando à alta direção ou aos acionistas, bem como ao mercado, informações suficientes para a tomada de decisões seguras.

Papel do controller

O conhecimento é essencial para o sucesso desse profissional, que precisa ter vivência no mercado em que pretende atuar, conhecer os riscos do negócio, os tributos incidentes, custos de produção, valor agregado dos produtos, qualidade de produto, market-share, tendências e perspectivas do mercado, assim como sobre os lucros agregados aos sócios, o capital de giro próprio e de terceiros e os investimentos a curto e longo prazos.

Principais atribuições

Busca de informações: todo material publicado, seja em revistas, jornais, TVs e sites, será material de pesquisa.

Motivação: motivar a equipe para obter bons resultados.

Coordenação: coordenar, verificar e acompanhar.

Planejamento: planejamento de ações a serem realizadas para alcançar melhores resultados.

Outras funções de um contador

A auditoria contábil, por exemplo, é outro ramo exclusivo do bacharel em Ciências Contábeis, considerada uma análise cautelosa e sistemática das atividades desempenhadas em certa entidade, com salário mensal médio (com registro no Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI)) de R$ 16 mil.

Outra função para o bacharel em Ciências Contábeis é a perícia contábil, que corresponde a uma série de procedimentos de natureza técnica com o objetivo de resolução de demandas e disputas.

Além destas áreas específicas, são inúmeras as possibilidades para um bacharel em Ciências Contábeis, como analista contábil, consultor financeiro, gerente de contabilidade, diretoria, cargos em órgãos públicos, prestação de serviços, contador em empresas ou em escritório, empreendedor contábil, ensino, entre outros.

“A área de atuação para o bacharel em Ciências Contábeis é vasta e super requisitada pelas empresas. A importância de um contador para cada empreendimento traz a segurança de estar seguindo no caminho certo, o que traz os melhores resultados”, destaca a coordenadora do curso de Ciências Contábeis da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), professora Lucélia Tashima.

Aprendizado contábil na prática

A escolha de uma instituição de ensino superior em Ciências Contábeis também agrega na formação do profissional. Na UCDB, os acadêmicos, já no primeiro semestre do ensino presencial ou a distância, começam a ter contato com o software Account, que possibilita o aprendizado da contabilidade de uma forma mais ágil, gerando relatórios contábeis e propiciando mais rapidamente o aprendizado contábil.

Com corpo docente formado por mestres e doutores com vasta experiência de marcado, o curso busca formação integral, com projetos práticos e atividades de pesquisa e extensão que enriquecem o currículo e o conhecimento dos acadêmicos.

Atividades práticas

Parcerias como a Receita Federal garantem o funcionamento do Núcleo de Apoio Fiscal e Contábil (NAF) da UCDB, onde os futuros contadores unem a teoria na prática, desde o atendimento ao cidadão, sob a supervisão de professores especializados, até a declarações do imposto de renda de pessoa física.

Comentários