Conheça os principais tipos de engenharia e veja qual é a sua cara!

05Você já deve ter ouvido falar na profissão de engenheiro e nos cursos de engenharia. Entretanto, quem não é da área normalmente tem dificuldades em dizer as reais diferenças entre os tipos de engenharia. Como é um assunto de interesse de muitos estudantes, resolvemos produzir este artigo com a descrição de cada um dos principais cursos.

Iniciaremos a conversa abordando os motivos que levam os estudantes a escolher o campo e as vantagens de optar por essa carreira. Depois, discutiremos as particularidades de cada um dos tipos de engenharia.

Com o fim da leitura, você entenderá com clareza as características e particularidades que definem essas subdivisões e estará muito mais apto a fazer uma escolha tão decisiva como essa. Continue conosco e confira!

Por que escolher estudar engenharia?

Um princípio fundamental, que unifica essas diferentes perspectivas, é a capacidade do profissional em transformar a realidade materialmente. Quem se interessa por engenharia, normalmente tem um algum apreço por essa possibilidade de mudar determinado cenário a partir de suas próprias projeções e análises técnicas.

Assim sendo, preza-se nesse segmento pelo desenvolvimento de um raciocínio analítico por parte do estudante. Outro elemento comum é a constante interação com recursos tecnológicos. Seja no campo, na cidade ou mesmo no ambiente industrial, esse interesse por se apropriar e trabalhar com tecnologias inovadoras é fundamental!

É um mercado com demanda de trabalho constante em qualquer época. Ao mesmo tempo, exige-se do profissional uma constante atualização de suas capacidades e conhecimento técnico.

Sendo assim, é altamente indicado uma formação posterior à graduação, como os cursos de especialização, que ajudam a destacar o currículo profissional. Outro ponto que não podemos deixar de mencionar é a importância de o estudante ter alguma afinidade com os números na hora de estudar.

Querendo ou não, qualquer curso de engenharia envolve o estudo aprofundado de operações e cálculos matemáticos. É claro que essa é uma habilidade que pode ser desenvolvida ao longo de sua permanência na graduação, mas certamente facilitará bastante seu envolvimento com a área.

Quais são os principais tipos de engenharia?

Engenharia Civil

Um dos ramos mais conhecidos e populares entre os tipos de engenharia. Cuida de várias etapas da criação e execução de projetos como: casas, prédios, estradas, e muitas outras formas de construção civil.

Essa vertente é interessante também por sua ampla demanda em qualquer tipo de contexto ou região. Seja onde for, a construção civil sempre será necessária como um conhecimento técnico usado tanto em momentos de crise quanto de prosperidade.

Vale mencionar também que há uma equivocada impressão que o engenheiro civil limita sua ocupação a projetar edifícios e afins, mas existem outras possibilidades interessantes de aplicação de suas capacidades.

Ele também é responsável pela emissão de laudos técnicos, averiguação dos parâmetros econômicos de um projeto, além da prestação de serviços como orientação técnica e consultoria.

Engenharia Elétrica

Como o próprio nome indica, esse é o segmento da engenharia que se ocupa da criação, execução e manutenção de sistemas que envolvem eletricidade. A transmissão e transformação segura da energia elétrica é um elemento fundamental nesse trabalho. Parte essencial de qualquer construção é a criação de um modelo seguro e econômico de energia seja adequado às necessidades daquele espaço.

Tem grande presença na base da produção industrial, sendo muito necessário também para a organização da infraestrutura urbana. Além de suas aplicações mais conhecidas, a engenharia elétrica também atua na criação de equipamentos eletroeletrônicos e redes, desenvolvendo tecnologias importantes para laboratórios, hospitais e telecomunicações.

Engenharia Mecânica

O engenheiro mecânico trabalha principalmente com máquinas e equipamentos. É um ramo da engenharia voltado especialmente para a indústria, que se beneficia bastante com a criação de aparelhos que atendam às mais diversas demandas do mercado.

Eles são responsáveis pela criação de veículos, aparelhos de refrigeração, grandes máquinas operárias e uma infinidade de ferramentas essenciais para o nosso cotidiano. A engenharia mecânica figura como uma área bastante rentável, já que os profissionais que se destacam nela são responsáveis pela estruturação de equipamentos com altíssimo valor de mercado.

Engenharia Sanitária e Ambiental

Falando em cotidiano, a engenharia sanitária trata da produção de sistemas necessários em qualquer cidade: aqueles que cuidam da água e do esgoto. Condições básicas de saneamento formam uma pauta importante para muitas regiões do país e do mundo, principalmente aquelas onde faltam essas estruturas.

Nesse mesmo âmbito, também existe uma preocupação em criar soluções criativas e saudáveis para aperfeiçoar a maneira como utilizamos os recursos hídricos e lidamos com dejetos. A engenharia ambiental está localizada também nesse cenário. Sua preocupação maior é a criação de formas de produção ecologicamente sustentáveis.

Esse cuidado com o meio ambiente é uma tendência presente em muitos países, deixando de representar apenas uma “preocupação social” e causando impactos diretos também na economia e qualidade de vida da população.

Engenharia de Computação

Como você pode imaginar, trata-se do curso de graduação que qualifica o estudante para projetar e desenvolver aparelhos da área da computação e adjacentes. É um segmento com altíssima demanda e com ótimas projeções para o futuro.

Está intimamente ligado às esferas da ciência da computação e engenharia eletrônica, mas tem como foco a produção de sistemas físicos, também chamados de hardware, além dos aparelhos de suporte para operar esses equipamentos.

Deu para perceber que cada um dos tipos de engenharia tem características bem específicas, não é? Caso já tenha decidido por cursar uma graduação nesse grande campo, agora só resta decidir qual deles combina mais com você! Todos oferecerem possibilidades reais de uma boa inserção no mercado de trabalho. Cabe ao estudante avaliar suas preferências, trajetória pessoal e expectativas de futuro para decidir qual a que melhor o atende.

Por fim, sugerimos que confira os cursos de Engenharia ofertados pela UCDB! Temos tradição como a melhor universidade particular do Mato Grosso do Sul, além de contar com uma bela infraestrutura e uma equipe docente de grande reconhecimento.

O que achou de nosso artigo sobre os tipos de engenharia? Compartilhe-o em suas redes sociais e ajude a levar essas informações a outros interessados!

Comentários