Engenharia da Computação: amante das ciências exatas de olho em tecnologia

Você sabia do pioneirismo da UCDB no curso de Engenharia da Computação? Ele foi o primeiro do estado e hoje conta com uma experiência de mais de 15 anos, com professores mestres e doutores de diferentes instituições do Brasil, que desenvolvem projetos com outras instituições e empresas.

Pois bem, a estrutura que a Universidade Católica Dom Bosco oferece aos futuros acadêmicos impressiona. Ela consegue aliar-se a uma formação prática para favorecer ao acadêmico e torná-lo um profissional com ampla atuação na indústria de software e hardware.

Durante cinco anos, os alunos terão aulas práticas em laboratórios que contam com mais de 240 computadores (servidores e desktops), laboratórios de hardware, de automação, física, informática, e laboratório de redes de computadores, como também as aulas teóricas em Física, Matemática, Álgebra, Geometria, Mecânica e Eletricidade. Além disso, no último ano, poderão desenvolver projetos de pesquisa e extensão acadêmica com apoio de empresas do setor de TI do MS.

Para o professor Alexsandro Monteiro Carneiro, coordenador do curso da UCDB, o profissional em Engenharia da Computação lida com a realização de projeto e construção de computadores e de sistemas. É ele quem programa sistemas microcontrolados, projetos de interface que se comunicam em diferentes protocolos. Já na área de software, o profissional faz a modelagem desses sistemas, programação e a conexão com o sistema de hardware que foram citados.

Quem tiver interessado por esse curso, deve saber que tem à frente uma área de atuação bastante vasta, podendo trabalhar tanto na computação direta (banco de dados, softwares em diferentes plataformas, web, mobile) quanto em projetar e desenvolver sistemas de hardware para telecomunicações e sistemas de automação.

Assista ao vídeo abaixo e descubra mais sobre esse curso.

Comentários