Advogado: uma ampla carreira de oportunidade

Para você, futuro acadêmico, que está pensando em se graduar na área de Direito, aqui vai uma dica: Hoje em dia, o bacharel recém-formado tem dois campos principais de atuação para escolher: a carreira de advogado ou carreira jurídica.

E muito além de trabalhar com constituição e leis, o profissional em advocacia precisa disciplinar e resolver os problemas entre pessoas físicas e jurídicas, fazendo predominar sempre a ética e a justiça.

Como a profissão é uma das que possuem diversas especializações e ramos, o advogado pode defender o seu cliente no campo civil, penal, trabalhista, tributário, comercial, previdenciário e, por que não, na área de compliance e ética?

Essa área vem crescendo no país e deverá ter um destaque maior devido à Operação Lava Jato. Nessa operação destacadíssima na mídia, surgida em março do ano passado, a Polícia Federal investiga um grande esquema de lavagem e desvio de dinheiro envolvendo a Petrobras, grandes empreiteiras do país e políticos. O advogado especializado nessa categoria irá resolver problemas que envolvam políticas internas e condutas éticas das empresas.

Outra especialidade bem solicitada é a do advogado tributarista, que atua nas questões referentes à arrecadação de impostos e cumprimento de obrigações tributárias; e do advogado especializado em recuperação judicial e de crédito, o qual atua na área de conflitos que envolvam empresas em fase de recuperação judicial. Pode atuar em favor dos bancos credores, não deixando as empresas entrarem em um colapso financeiro.

Durante os cinco anos de estudo, o estágio que não é obrigatório, começa a valer só a partir do terceiro ano ou do 5º semestre. Para estágio supervisionado pela OAB, apenas a partir do 4º ano ou do 7º semestre; mas convenhamos que é sempre bom começar a se interessar pela carreira em lugares que dão oportunidades para recém-formados, como escritórios, Defensorias Públicas, Ministério Público, Procuradoria, órgãos públicos ou empresas de diversos segmentos.

Mas não para por aí! Após a graduação, o bacharel em Direito precisa se atualizar constantemente, uma vez que as leis estão em constante transformação. ( Aliás, para ser bem sucedido, todo profissional precisa se atualizar constantemente)

Uma dica importante: Ao escolher a profissão, não pense só em altos salários. Pense também em oportunidades para aprender sempre uma coisa nova na área. Boa sorte!

Perfil profissional na área de Compliance e Ética
O perfil desse profissional é de alguém que promova a integridade, conduta ética e honestidade Entre as principais funções na área de Compliance estão contempladas:

• Mitigação de riscos;
• Fazer com que a corporação esteja cumprindo as leis, regulamentos e normas;
• Assegurar que a reputação da empresa seja mantida de maneira ética;
• Garantir o funcionamento das áreas de auditoria interna e externa;
• Estreito relacionamento com todas as áreas da empresa.

Requisitos: além de transparência, pró-atividade, ética, bom relacionamento interpessoal, comunicação, influência, liderança, organização, também a capacidade para trabalhar sob pressão.

Fonte: http://www.migalhas.com.br/MercadodeTrabalho/38,MI189922,81042-Aumentam+as+contratacoes+na+area+de+Compliance

Comentários