Livro: Capitães de Areia

Olá, estudiosos de plantão! Estão se preparando para o vestibular e o ENEM? Pois então, hoje vamos dar uma dica de livro para você que não está muito seguro quanto à questão do português e da literatura. Sabemos que não é fácil criar o costume da leitura de uma hora para outra, nem fazer escolhas, por isso a obra indicada de hoje é o exemplar do autor Jorge Amado, “Capitães de Areia”.

O livro é um romance decorrente no ano de 1937, em Salvador na Bahia. Trata-se de meninos, moradores de rua, com uma vida sem regras e marginalizada por conta de suas histórias passadas com as respectivas famílias. O bando de meninos que formam os Capitães de Areia se esconde em um armazém abandonado nas praias da capital baiana. Eles têm o nome associado a sua personalidade: João Grande, por sua força bruta; Sem-Pernas, pela amargura existencial; Volta-Seca, por sua opressão sertaneja; a sexualidade, por Gato; o malandro é Boa-Vida e a religiosidade é dada por Pirulito. O líder desse bando se chama Pedro-Bala, pois o menino é revoltado com a história do assassinato do pai.

capitaes-areia-capa

Certo dia, uma menina chamada Dora procura pelo grupo e tenta se juntar a ele, porém os meninos ficam com o pé atrás e testam a menina para terem a comprovação de que ela esta lá pelo mesmo motivo deles. Tendo essa confirmação, Pedro-Bala se aproxima da moça e ambos acabam se apaixonando.  Durante uma ação do bando, Bala e Dora são presos, fazendo então acontecer várias contradições dentro da obra.

O livro é bem despojado e cheio de aventuras. É também referência para muitas provas. Vale a pena ler, porque além de adquirir mais conhecimento, você irá se divertir com esse grupo.

Comentários