Como Preparar um Currículo de Sucesso

Todo profissional que deseja entrar no mercado de trabalho deve se preocupar em entregar um currículo de qualidade. Esse documento não é apenas uma mera formalidade nas empresas e, sim, a primeira impressão que é apresentada para o contratante.

A coordenadora de desenvolvimento institucional da UCDB, Ana Carolina Perroni, destacou que um currículo bem feito tem que ser curto e objetivo. “Se você nunca teve um outro emprego, escreva isso no currículo. Mas, lembre-se, estágio também é uma experiência válida e pode ser informada”, destacou.

A psicóloga especialista em gestão de pessoas e saúde do trabalhador, Carolina Pardo Moura Campos Pereira Souza, coordenadora de RH do Águas Guariroba, também lida diariamente com profissionais em busca de uma vaga no mercado de trabalho. “É muito importante o currículo ser verdadeiro, sem mentiras”, afirmou.

A pedido do blog Futuro Acadêmico, da UCDB, as profissionais Carolina Pardo e Ana Carolina deram algumas dicas essenciais para um currículo de qualidade.

1. Informações atrativas e verdadeiras.

A primeira coisa que um profissional deve pensar, ao redigir um currículo, é na sua carreira. Ele está se vendendo para o contratante, portanto, deve se concentrar em levantar informações atrativas e verdadeiras. Nunca mentir.

2. Boa redação

Uma pessoa que tem dificuldades em se expressar na escrita, demonstra não ter se dedicado em entregar um currículo correto. Depois que o currículo estiver pronto, leia novamente em voz alta e peça para alguém revisar.

3. Deixe claro seu objetivo profissional

Se a vaga é para o marketing, não faz sentido colocar no currículo que você tem experiência em culinária. O currículo tem que ser objetivo.

4. Deixar claro seus contatos

É importante deixar claro seus contatos como nome completo, estado civil, telefone, e-mail e endereço. Uma dica importante neste aspecto é o e-mail.

5. Descreva os cargos na ordem decrescente

Na parte da sua experiência profissional, descreva seus últimos trabalhos do mais recente para o mais antigo. Se você tem muita experiência profissional, não precisa colocar todas, apenas as mais importantes. Um currículo longa é muito chato de ler. Se não tem experiência nenhuma, deixar isso claro também. Vale colocar estágios.

6. Duas páginas

Tente deixar o seu currículo com duas páginas, no máximo. Porém não adianta reduzir a fonte para caber na página. O currículo tem que ser sucinto, e as letras não podem ser muito pequenas. Fonte tamanho 12 é a ideal.

7. Idiomas

Coloque apenas os idiomas que você realmente fala. Não adianta mentir, porque o recrutador pode testar você nesse aspecto. Também não precisa colocar que você fala “português fluente”.

8. Informações extras

Atualmente os recrutadores estão dando muito valor para trabalhos voluntários e socioambientais. Se já tiver feito esse tipo de trabalho, é interessante adicionar a informação. Informações que não precisam entrar: foto 3X4 (a menos que o recrutador exija), religião, time de futebol, coisas desse tipo.

Currículo não precisa de capa e nunca mande um currículo escrito à mão.

Comentários